You are here

Categoria das PME, Artesanato e Empresas Familiares

A Categoria das Pequenas e Médias Empresas (PME), Artesanato e Empresas Familiares é atualmente constituída por 40 membros do Comité, pertencentes ao Grupo dos Empregadores e ao Grupo dos Interesses Diversos.

 O secretariado da categoria é assumido pelo Grupo dos Empregadores.

Prioridades:

O objetivo global da categoria consiste em acompanhar todos os aspetos relacionados com a política das PME, com particular destaque para as necessidades específicas do artesanato e das empresas familiares. Queremos dar ênfase a esses agentes sociais e económicos essenciais.

Ao longo da última década, as PME contribuíram para manter investimentos, mantendo ao mesmo tempo as taxas de emprego e superando, por vezes com grande dificuldade, os constrangimentos financeiros de um mercado de crédito restrito e práticas de pagamento em atraso desleais.

No entanto, as PME continuam a ser o verdadeiro pilar da economia europeia. Nos últimos anos, têm sido confrontadas com novos desenvolvimentos económicos e industriais. Terão de fazer face a muitos desafios no futuro próximo. São necessários inovação e digitalização, competências profissionais e um acesso mais fácil aos mercados financeiros. O excesso de regulamentação e os encargos administrativos deverão ser limitados em grande medida.

É necessário adaptar a definição desatualizada de PME de modo a refletir a atual natureza diversificada destas empresas.

Por outro lado, o conceito de «artesanato» é outra questão que carece de ser tratada. Há que reconhecer o valor empresarial de produção personalizada que as empresas artesanais têm. Como tal, a dimensão de uma empresa não deve determinar se pode ser classificada (legalmente) como uma empresa artesanal.

Downloads

CV of Pietro Francesco De Lotto