O CESE e a Comissão Europeia devem cooperar em prol de uma Europa que supere a pandemia e consolide a recuperação – uma Europa próspera, socialmente inclusiva e sustentável do ponto de vista ambiental. Esta foi a principal mensagem endereçada por Christa Schweng, presidente do CESE, a Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, e a Maroš Šefčovič, vice-presidente das Relações Interinstitucionais e Prospetiva, na reunião plenária do CESE em dezembro.

Christa Schweng regozijou-se com o facto de o programa de trabalho da Comissão Europeia para 2022 refletir várias das propostas e recomendações que o CESE apresentou na sua resolução de junho de 2021, afirmando que «as nossas prioridades coincidem largamente com as da Comissão, à qual continuaremos a dar apoio na execução dos seus ambiciosos objetivos. Devemos também assegurar que a sociedade civil organizada prospera e vive numa sociedade aberta e baseada em valores. Unamos esforços para que a Europa seja verdadeiramente um bom lugar para viver e prosperar!»

Por seu turno, Ursula von der Leyen reconheceu o trabalho realizado pelo CESE e declarou que «o Comité sempre manteve o seu apoio e o compromisso firme para com a sua missão de fazer ouvir a voz das pessoas – empresas, trabalhadores e outras organizações da sociedade civil. Somos e continuaremos a ser parceiros próximos, tanto no planeamento anual das políticas como no desenvolvimento de uma visão a longo prazo.»

Maroš Šefčovič fez suas as palavras de Ursula von der Leyen e agradeceu ao CESE a cooperação estreita com a Comissão Europeia, afirmando que tal «mantém vivos e de boa saúde os laços entre ambas as instituições» e assinalando que «os membros do CESE são os melhores embaixadores da União Europeia.» (mp)