Uma delegação de membros do Comité Económico e Social Europeu (CESE), dirigida por Stefano Mallia, presidente do Grupo de Acompanhamento para o Brexit do CESE, deslocou-se à Escócia nos dias 17 (Edimburgo) e 18 (Glasgow) de setembro, tendo-se reunido com representantes de organizações da sociedade civil da Escócia e do Governo e Parlamento escoceses.

O Grupo de Acompanhamento para o Brexit do CESE foi criado em 2018 para seguir as negociações do Brexit, manter os membros informados sobre a evolução da situação e propor medidas quando necessário.

O objetivo desta visita consistiu em refletir sobre as possibilidades de estabelecer uma forma estruturada de cooperação com a sociedade civil organizada do Reino Unido após o Brexit.

Como referiu Stefano Mallia, «o Reino Unido tem uma relação com a UE que foi construída ao longo de 45 anos de participação na União. Trata-se, portanto, de uma relação especial, que o CESE, enquanto representante da sociedade civil organizada, está decidido a manter. Temos de preparar o terreno para assegurar que a relação pode prosseguir e que de facto prosseguirá, mesmo na era pós-Brexit.»

Foi organizada uma visita semelhante à Irlanda do Norte em junho de 2019, e seguir-se-ão outras ao País de Gales e a Inglaterra até ao final do ano. (dgf)